Seguidores

outubro 04, 2012

.“à séria”, “a sério” ou tanto faz?

É cada vez mais comum ouvirmos este “à séria”.
Sobre este espécime linguístico (que me faz cócegas nos tímpanos), diz o Ciberdúvidas:
Quanto ao tropeção naquele "à séria"- dele e da jornalista que o entrevistou no "Diário de Notícias", de 13 de Janeiro de 2010 -, nem a brincar...
Esta é, afinal, mais uma ilustração de uma moda que se instalou em Portugal, e da qual se usa e abusa, independentemente do seu contexto. É que não é a mesma coisa utilizar uma determinada expressão entre amigos, ou na comunicação social.
Parece ter-se perdido, afinal, a noção de que "à séria" é de uso familiar - e também um modismo associado a um certo estatuto social -, que não pode substituir-se à locução adverbial a sério, a que sempre se usou na nossa língua.
Não sendo, em termos absolutos, um erro, o “à séria” é uma expressão a usar, se tiver mesmo de ser, com moderação. De qualquer modo, a locução “a sério” será sempre o investimento mais seguro, garantia de se ser levado mesmo “a sério”...
Pelo que pude apurar, no Brasil não se usa esta locução "alternativa".
Abraço.
AP

6 comentários:

  1. Que bom foi ler isto!
    Tal como o autor, A.P., o "à séria" mexia comigo!
    Obrigada!

    ResponderEliminar
  2. Nunca ouvi dizer do tal´à séria´

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No Brasil, não, mas em Portugal é um modismo muito comum:
      https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/artigos/rubricas/pelourinho/a-seria-e-a-balda/1246
      https://www.flip.pt/Duvidas-Linguisticas/Duvida-Linguistica/DID/545
      http://ensina.rtp.pt/artigo/falamos-a-seria-ou-a-serio/
      Cumprimentos e volte sempre!

      Eliminar
  3. A sério?
    Não gostou e está no seu direito.

    ResponderEliminar