Seguidores

novembro 10, 2012

.raia ou arraia?

Fonte da imagem: AQUI.

A ideia do tema de hoje surgiu na peixaria quando ouvi uma senhora perguntar: “A arraia é boa para caldeirada?” Embora tivesse ouvido esta versão, sempre usei raia. Estava aberto o caminho para mais uma viagem ao interior dos dicionários e vocabulários.
A. raia
É a forma mais usada em Portugal e está em todas as fontes. Também os dicionários brasileiros e o VOLP da Academia Brasileira de Letras a registam, embora não pareça ser a forma claramente preferencial como no português europeu.
B. arraia
Tanto em Portugal como no Brasil, está presente na generalidade dos dicionários e vocabulários. No entanto, enquanto no Brasil há dicionários em que a entrada raia remete para arraia, em Portugal, acontece o contrário: arraia à raia.
Relativamente ao Brasil, transcrevo estes extratos de um fórum no Orkut:
Dúvida:
"Olá, sou pedagoga e professora. Desde que me conheça por gente, conheço esse animal como arraia. No entanto em uma conceituada apostila que trabalhamos na escola, apareceu como raia. Fui em busca de maiores informações: no dicionário aurélio consta como raia. no Houaiss como arraia. em mais dois outros como arraia. no wikipedia tb consta como arraia.
Ao pesquisar no google, encontrei as duas formas e imagens tb nas duas formas de escrita.
Gostaria de saber qual relamente é correto utilizar (já que preciso ensinar meus alunos)."
Respostas:
1. "Pela olhada que dei pela internet eu suponho que as duas formas estejam corretas, mas ainda sim vou perguntar para uma professora especialista em peixes, Sônia Buck, e depois darei um parecer mais conclusivo."
2. "os dois tao certos mesmo...a Sonia falou isso na aula..."


CONCLUSÃO:
Portugal (norma luso-afro-asiática) e Brasil (norma brasileira)
raia ou arraia
Nota: Chamem-lhe raia ou arraia, garanto-vos: é excelente tanto frita (com arroz de coentros a acompanhar) como em caldeirada.
E assim:
"Arraia ao molho de tomate": AQUI
 
E também assim:
                                       "Arraia ao leite de coco": AQUI

Boa escrita e... bon appétit!
AP
P.s.:
Mensagem no http://acordo-ortografico.blogspot.pt: sequóia gigante ou sequoia-gigante?

 

5 comentários:

  1. Olá estimado António,

    Que imagens de pratos, que devem saber tão bem! Adoro peixe, e coco, também. Será que há conjugação? Pode ser regular ou irrregular.

    Sempre ouvi dizer raia, ao peixe. Arraia só se for a miúda, a de Fernão Lopes.

    Bonsoir, avec...quoi? J' ai oublié.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A não ser que a menina ainda vá prà borga, a esta hora, vamos dizer: "Bonne nuit, Luz!"
      AP

      Eliminar
  2. Não, António. Sou bem caseira/sedentária.
    Dir-me-á, sempre, bonsoir, porque não sou, nem frequento "a night".

    Sou muito "certinha", sempre o fui. Regras e princípios, que me incutiram, e também fruto do meu feitio.
    A poesia que escrevo pode dar a entender, que sou muito vivida e que tenho "a escola toda", mas puro engano. Gosto muito de ser protegida, orientada e sou feminina e não feminista.
    Já na 4ª classe, as minhas redações eram sempre lidas, em voz alta, pela professora, porque eram diferentes das outras. Se o tema fosse a Primavera, eu imaginava logo ali, umas cenas paradisíacas e eu só tinha 10 anos.
    Naturalmente, que tenho algumas vivências, mas inconsequentes.
    Sempre fui muito "idolatrada" por algumas pessoas da minha família (tia e avô, não esquecendo os pais) e talvez isso explque o meu comportamento e até a minha escrita.
    Sou muito feliz e não tenho traumas de qualquer espécie.
    Não sou muito saudável e esse é o meu grande senão, mas a minha auto-estima é muito boa.
    Adoro viver e ver o sol todos os dias e digo-lhe, sinceramente, que há muitos dias em que me sinto bonita, sensual e graciosa.

    Mas que grande discurso, auto discurso, ainda por cima, logo num domingo de manhã!

    Tenha um bonito e aprazível dia.

    Um beijo, porque hoje é dimanche.
    À tout à l' heure.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sei que a menina não é uma "maluca", pois li o seu perfil. A imaginação, mesmo em grandes doses, não faz mal a ninguém e ajuda a colorir as telas cinzentas que a vida expõe, com frequência, na galeria das nossas vidas.
      Uma correção: dir-lhe-ei sempre "bonne nuit", que é o que dizemos quando vamos para a caminha. Ao dizermos "bonsoir" quer dizer que ainda podemos ver o nosso interlocutor. Logo, ainda podemos ir dar umas voltinhas antes do definitivo "bonne nuit", que é assim uma espécie de "passe uma noite descansada". Esquisitices do francês...
      Sendo dimanche, beijinho!
      AP

      Eliminar
  3. Olá António,

    Eu sabia que "bonne nuit" é quando nos despedimos para nos irmos deitar e bonsoir é quando começa a noite e até nos deitarmos.
    Pois, são duas boas noites, mas uma mais acentuada que outra.

    Já vi o seu novo blogue. Tem lá artigos muito interessantes e fora do comum. Quer comentários? Então, tem de comentar os blogues das outras pessoas. Não acha?

    Ainda é domingo? Pois é, estou a ver no relógio do PC.

    Então, um beijinho com muito apreço.

    ResponderEliminar